✓ Uma Fenda na Muralha || ✓ PDF Read by ✓ Alves Redol


  • Title: Uma Fenda na Muralha
  • Author: Alves Redol
  • ISBN: null
  • Page: 290
  • Format: Paperback

  • Uma Fenda na Muralha retrata o drama dos pescadores da Nazar entre um mar dos mais perigosos e uma costa sem porto de abrigo Alves Redol observa, experimenta, quase naufraga metido entre os homens de uma companha de pescaec alves redol.rcts hAnt nio Mota Redol filho de Alves Redol referiu que o pai lhe falou, v rias vezes, em medo e coragem , comUma Fenda na Muralha retrata o drama dos pescadores da Nazar entre um mar dos mais perigosos e uma costa sem porto de abrigo Alves Redol observa, experimenta, quase naufraga metido entre os homens de uma companha de pescaec alves redol.rcts hAnt nio Mota Redol filho de Alves Redol referiu que o pai lhe falou, v rias vezes, em medo e coragem , como os sentimentos com que mais conviveu durante a sua estada na Nazar , em que aproveitou para escrever esta obra, onde retrata o quotidiano nazareno dessa poca 1959 Foi, ali s, da viagem que o escritor fez a bordo de um barco de pesca, e do vento forte que se levantou de s bito, que fez o mestre da embarca o temer o pior relativamente seguran a dos seus homens e de Alves Redol, que falou Diamantino Peixe, o pescador que ia ao lado do autor da Fenda na Muralha Perante a tempestade, foi um homem de coragem que vi a bordo , disse, sobre Alves Redol Na sess o de abertura, o presidente do Munic pio da Nazar , Jorge Barroso, frisou a import ncia de Alves Redol para um melhor conhecimento, hoje, da comunidade piscat ria da altura, referindo que ainda hoje esta comunidade se rev neste livro.R dio Cister, 2011 12 07cister informacao cultu edi o, refundida
    Alves Redol
    Cedo come ou a trabalhar dada a natureza modesta da sua fam lia Parte para Angola, aos 16 anos, procurando melhores condi es de vida, regressando a Portugal tr s anos depois Junta se ao Movimento de Unidade Democr tica MUD , que se opunha ao regime do Estado Novo, e filia se no Partido Comunista, escrevendo artigos no jornal O Diabo.Introduziu o neo realismo em Portugal com o romance Gaib us 1939 , nome dado aos camponeses da Beira que iam fazer a ceifa do arroz ao Ribatejo, em meados do s culo XX Da em diante sua obra revela uma grande preocupa o social, velada ainda assim, dada a censura e persegui o pol tica movida pelo regime de Salazar aos oposicionistas, e mormente aos simpatizantes do PCP, como era o caso Chegou mesmo a sofrer pris o pol tica tendo sido torturado.Seu ltimo romance, Barranco de Cegos, de 1962, considerado sua obra prima e afirma sua nova fase, em que a interven o pol tica e social posta em segundo plano, dando lugar a um centramento nas personagens e na sua evolu o psicol gica, de cariz existencial.


    Commentaires:

    Virgilio Machado
    Com o aparecimento de Gaibéus, Alves Redol lançaria um grito de renovação na vida literária portuguesa em face à literatura da época. Escritor de admi­ráveis méritos e possuidor de uma forte concepção humanista, tem vindo, desde então, a impor-se através de uma obra intensa em que se ressalva o seu poder criador, a sua fidelidade ao movimento literário que iniciou, em romance, e, a sua lealdade aos problemas humanos. E assim, com Uma Fenda na Muralha, Alves Redol vem confirmar as [...]

    • ✓ Uma Fenda na Muralha || ✓ PDF Read by ✓ Alves Redol
      290 Alves Redol
    • thumbnail Title: ✓ Uma Fenda na Muralha || ✓ PDF Read by ✓ Alves Redol
      Posted by:Alves Redol
      Published :2018-08-16T08:57:37+00:00